20.2.13

Cotoco

Oi gente!

Há quanto tempo!! :p

Eu ia ficar fora somente durante o feriadão de Carnaval, já que ia viajar (e fui! \o/), porém acabei ficando mais ausente do que pretendia... Pois, tenho estado muito cansada. Faz duas semanas que retornei ao trampo e ainda não me acostumei com a correria novamente...

Estou no segundo ano de Residência em Saúde Mental, trabalhando no Consultório na Rua. Para quem não conhece, o Consultório na Rua é um serviço que atende pessoas em situação de rua. O nosso principal público são os usuários de múltiplas drogas, assim como garotas de programa e moradores de rua. Em resumo, toda essa galera que os serviços convencionais de saúde não curtem muito atender... 
É um trabalho muito bacana, que amo de montão!! Mas, como passo o dia inteiro na rua, literalmente falando, chego em casa à noite acabada.

Mesmo assim, as minhas leituras estão fluindo! \o/ Terminei de ler Cotoco e o clássico O Senhor das Moscas, estou no último capítulo de O Senhor dos Anéis – O Retorno de Rei e iniciei A Resposta, que estou achando delicioso demais!

Então, chega de papo e vamos por ordem, que venha o Cotoco!!

Gente, que livro maravilhoso! Superou todas as minhas expectativas!

Eu imaginava que se tratava apenas de uma leitura divertida, já que o livro é o diário de um garoto de 13 anos. No entanto, é muito mais que isso! Contém drama, romance (fofo) e, inclusive, fatos históricos, como a questão do Apartheid na África do Sul.

Além disso, a narrativa do autor é tão envolvente, que você fica completamente envolvida (o) na trama e só consegue largar o livro quando chega ao final.

A história é sobre um garoto de 13 anos, chamado Milton, que tem uma família pirada (que nos faz morrer de rir) e que vai estudar em um internato de grande renome para meninos.

Ao chegar lá, os seus colegas de quarto o apelidam de Cotoco. O motivo não vou dizer qual é... :p

Cotoco e os seus colegas de dormitório acabam se tornando conhecidos na escola como os Oito Loucos, pois aprontam poucas e boas!

Outro detalhe muito legal é que Cotoco tem um professor muito bacana que vive indicando livros para ele ler! Então, conforme Cotoco vai lendo os livros, vai falando quais são as suas impressões sobre as obras.
A maioria das obras citadas são livros clássicos muito bem conceituados. Então, você também fica louca (o) para ler os livros que Cotoco está lendo!
Um deles, eu não resisti e peguei para ler, O Senhor das Moscas, de William Golding. Bom demais!

Além da narrativa gostosa, os personagens secundários são muito bem trabalhados. Você se apaixona pelos colegas de Cotoco, sua família e seus professores. Todos são pessoas peculiares!

Eu poderia ficar horas e horas falando sobre o livro, mas vocês iriam cansar de ler uma resenha muito longa...

Então, a mensagem que quero deixar é a seguinte: leiam este livro, pois é maravilhoso!

Cotoco, de John Van de Ruit, é um livro para todas as idades e gêneros! Super indico!

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
África do Sul, 1990. Dois grandes eventos estão prestes a acontecer: a libertação de Nelson Mandela e, o que para o garoto John Milton é ainda mais importante, o início das aulas no internato. Cercado por pais no mínimo lunáticos, uma avó gagá e colegas de dormitório para lá de estranhos (com apelidos do tipo Lagartixa, Rambo, Rain Man e Cachorro Doido), John (que graças a suas partes íntimas pouco desenvolvidas é debochadamente apelidado de Cotoco) faz o que pode para se adaptar - e tudo indica que não será fácil. Munido apenas da própria perspicácia e de um diário, Cotoco vive uma série de situações bizarras e divertidas: de mergulhos proibidos no meio da madrugada a acirrados campeonatos de críquete, passando pela caça ao fantasma de um professor e por catastróficas férias em família. E é nas páginas de seu diário que acompanhamos o peculiar - e sobretudo engraçadíssimo - funcionamento da mente de um garoto de 13 anos ao descobrir a vida, a amizade... e a pluralidade da fauna humana.

Bom resto de semana para todos! :) E obrigada pelos comentários!
Adoro ler os recadinhos de vocês por aqui! :D Apesar de não estar conseguindo retribuir todas as visitas... :s

Até, galera!!

11 comentários

  1. Oi, Angélica!
    Confesso que não dava nada por esse livro. "Cotoco" sempre me passou a ideia de ser um livro infanto-juvenil e pode até ser, mas acho que pode agradar a todo mundo, né? Adorei a parte do "romance" e fiquei curiosa pra saber como tal coisa se encaixa na realidade de um menino de 13 anos =P

    Ah, outra coisa. Você falou dessa coisa do professor que indica livros e que Cotoco lê pra dar as impressões e pitacos sobre. Vi ai uma semelhança bem grande com "As vantagens de ser invisível" pois nele, Charlie, o protagonista, passa pela mesma coisa. Que coincidência. o_o' E preciso dizer que isso é uma tremenda armadilha para nós leitores: a gente vai, ÓBVIO, adicionar algum à lista de vou ler, né. Eu adoro livros com referências e citações de outros livros. ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Eu nunca tive muita vontade de ler o livro justamente por ser o diário de um menino de 13 anos, ams sua resenha me fez ficar com vontade. Parece que a história não é nada como eu pensava.

    Beijos,

    Carissa
    Arte Around The World

    ResponderExcluir
  3. Eu não li essa obra ainda! Mas com tantos elogios vou correr atrás!
    To precisando falar com vc!
    Quando poder me mande um email no kmilla.monteiro@gmail.com

    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Oi Angélica, que bom que aproveitou o feriadão para recarregar as baterias e colocar a leitura em dia, e em relação ao seu trabalho parabéns principalmente por fazer o que gosta e te deixa feliz em ser solidária com outras pessoas e poder ajudar a quem realmente necessita, é um presente para essas pessoas e gratificante para Você,parabéns pelo seu trabalho,com certeza Você faz a diferença
    Assisti o filme Cotoco uma história emocionante.Cotoco, o filme, é excelente, a trilha sonora, o elenco e o roteiro são maravilhosos e se você amou o livro vai amar ainda mais o filme.
    Da sua lista de leitura já li:O Senhor das Moscas, O Senhor dos Anéis ( a trilogia) e A Resposta assisti o filme e li o livro,

    ResponderExcluir
  5. Oi Angélica, bem vinda de volta! Que legal o trabalho que você está participando, acho que é muito importante dar atenção àqueles que são excluídos pela sociedade.
    Sempre que leio resenhas desse livro dizem que é muito divertido, e faz tempo que estou querendo ler. Ainda não tive oportunidade, mas talvez pegue emprestado em breve. ;D Espero ficar encantada assim também.

    Beijinhps

    ResponderExcluir
  6. Oi Angélica! Todas as resenhas que li desse livro foram positivas, acabei comprando ele na Bienal por 5 reais e ainda não li...
    Dizem que é muito engraçado né?

    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Legal seu trabalho Angélica, poder juntar profissão e humanitarismo é algo que poucos tem o privilégio de fazer.
    Quanto ao livro nunca tinha me interessado por ele, sempre achei que fosse um livro bobo, tipo besteirol, mas se você gostou passo a ver com outros olhos.

    ResponderExcluir
  8. Ganhei esse livro de aniversário ano passado e até agora não li.
    Realmente por ser um diário de um garoto de 13 anos a gente já espera uma história mais superficial, só pra divertir. Bom saber que a história é mais que isso.
    E que bacana o trabalho o que vc desenvolve. É muito trabalhar com o que a gente gosta.
    Bjo

    ResponderExcluir
  9. sempre vejo comentários bem positivos em relação a esse livro, preciso lê-lo.

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  10. Li uma vez a respeito e achei que seria uma história bestinha... como me arrependo desse pensamento preconceituoso.
    Talvez deva dar uma chance ao livro, vou encaixa-lo nas minhas metas para esse ano.
    Passei pra avisar sobre 2 indicações que fiz ao seu blog no link:http://absortoemlivros.blogspot.com.br/2013/02/especial-o-caso-dos-selinhos-esquecidos.html

    Espero que goste,
    Bruna

    ResponderExcluir
  11. Oi Angélica! Conheci seu blog há uns dias e tou apaixonada por ele! Ótima qualidade dos posts e lindo layout (confesso que o que primeiro me chamou atenção nele foi a Amélie, que amo!).
    Sobre o livro, há tempos estou querendo ler, mas acabei enrolando. Coloquei no meu Desafio Literário desse ano.
    Abraços,

    Samara - www.infinitoslivros.com

    ResponderExcluir

Comente, participe dos bate-papos que rolam por aqui!!

Últimos Instagrams

© Pensamento Tangencial. Design by FCD.