24.5.13

O Ladrão de Cadáveres

Este livro, desde que foi lançado, fiquei louca para lê-lo!
Pois, devido à sinopse e à capa, parecia ser um thriller aterrorizante e de tirar o fôlego.
No entanto, não foi bem assim...

O Ladrão de Cadáveres, de James Bradley, publicado pela editora Record, possui uma história ambientada em Londres, na década de 1820, e o personagem principal chama-se Gabriel Swift.

Gabriel é órfão e foi criado por um padre. Quando adulto, vai para Londres estudar e trabalhar com Edwin Poll, um conceituado anatomista e professor de medicina.

O problema é que Gabriel se mete em uma enrascada, pois acaba entrando sem querer em um grande esquema de roubo de cadáveres. Envolve-se com Lucan, que é um famoso ladrão de cadáveres e inimigo de Edwin. E, além disso, apaixona-se por uma prostituta complicando ainda mais a sua vida.

A premissa do livro é muito interessante. Mas, infelizmente, não conseguiu fazer com que eu ficasse conectada à leitura.
A narrativa é arrastada demais, com detalhes desnecessários. Eu não aguentava mais, a todo início de capítulo, o autor descrevendo exaustivamente como estava o tempo/clima naquele dia.
Além disso, o que prometia ser um livro de terror emocionante se tornou extremamente entediante. O personagem principal não é cativante, faz o estilo “melancólico”, tornando a trama monótona.

Eu realmente gostaria muito de ter gostado deste livro, mas não rolou. :/

Apesar de ser bem escrito, faltou algo mais... E acredito que a sinopse deveria ser reescrita. Pois, promete algo que o livro não é. E isso decepciona as pessoas...

Enfim...

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
Na Londres da década de 1820, o órfão Gabriel Swift chega à cidade para ter aulas com o grande anatomista Edwin Poll. O aprendizado acaba por lhe revelar um lado sombrio e pouco nobre da medicina: as leis possuem sérias restrições quanto à dissecação de corpos, tornando sua aquisição para estudo um negócio terrível e cruel. O vício em ópio e o amor por uma prostituta transformam Swift em presa fácil para as ambições de Lucan, o maior ladrão de cadáveres da cidade. Gabriel começa a vender corpos e extorquir dinheiro, e a ambição o conduz ao assassinato. Uma história de terror clássica, O ladrão de cadáveres recria com maestria o universo sinistro do submundo londrino, em que tudo e todos estão à venda, e roubar uma vida é mais fácil do que se imagina.


Confira mais detalhes sobre a obra no site da editora Record. E aproveite para dar uma espiada em outros lançamentos! :D



*    *    *    *    *    *    *    *    *

Gentee, o resultado do sorteio do kit Ladrão de Almas já saiu!

O nome da ganhadora é Vanessa Riper!
Parabéns Vanessa!!! :)

Vocês podem conferir o resultado no post da promoção, no formulário do Rafflecopter.

Bom fim de semana a todos! \o/

10 comentários:

  1. Olá Angélica,
    Tava tão animado com esse livro. Essa é a segunda resenha que leio do livro e que também fala que a narrativa é arrastada. Agora fiquei com dúvidas, se devo ler ou não.

    Lucas / Era uma vez
    livrosecontos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas!

      Pois é... eis a questão! Acho que só lendo para saber se você irá gostar. :)

      Bjs!

      Excluir
  2. Ei Angel!!!
    Vim aqui ler a sua e nem venha... Sua resenha ficou muito boa também. A verdade é que o livro realmente te desanima. Não te dar prazer apesar, como vc mesma disse, ser muito bem escrito. É monótono e Gabriel é um saco. As descrições dele também não ajudavam.
    Também queria ter gostado dele. A sinopse não cumpre sua promessa. Voto para ela ser reescrita.

    Beijos
    Danni

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Danni!

      Não consigo escrever muito quando não curto a leitura. :/ Preciso melhor isso! :)
      Concordo com tudo o que você falou! Parecia ser uma leitura mais interessante...

      Beijos!

      Excluir
  3. Oie Angel
    colocava altas expectativas neste livro, mas que bom que sua resenha me salvou de ler algo que certamente eu não gostaria.
    A sinopse "vende" uma história que parece ser tão interessante, e que pena que não foi assim :(
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jacque!

      Realmente é uma pena... Pois, eu estava com bastante expectativa quanto a esse livro.

      Beijooo!

      Excluir
  4. Bom saber disso!
    Tô cansada de narrativas assim! Nem quero mais!

    Tem promoção rolando no blog! Passa lá se puder! Bjs

    ResponderExcluir
  5. A capa é bem sinistrinha né, rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gladys!

      Sim!! Hehe! Mas achei bacana! :D

      Beijos!

      Excluir

Comente, participe dos bate-papos que rolam por aqui!!