11.9.13

Crônica de uma morte anunciada

Eu fiquei super feliz quando vi que a editora Record estava fazendo reedições dos livros do Gabriel García Márquez! As novas capas são um capricho só! E a qualidade das obras nem se fala!


Então está aí uma bela oportunidade para ler as obras de um dos ganhadores do Nobel!
Você já leu algum livro do autor? Ainda não?! Então, corre! Pois, você não tem ideia das maravilhas que está perdendo!!

Dentre as opções que eu tinha, como já li Cem Anos de Solidão e tenho O Amor nos Tempos do Cólera, escolhi o livro Crônica de uma morte anunciada, já que faz muito tempo que tenho vontade de ler essa obra.

Posso dizer que o livro é muito bom e que não decepciona, dentro da proposta lançada pelo autor. Porém, não é aquele tipo de livro que contém uma história arrebatadora, que irá deixar você pensando nela por dias a fio. É como o próprio título diz... É uma crônica, sobre a morte de um personagem chamado Santiago Nasar.

Uma morte que havia sido anunciada aos quatro ventos pelos autores do crime. Por onde eles passaram, falaram que a morte iria ocorrer e que a vítima não seria poupada.

Praticamente todos os moradores da cidade sabiam que o assassinato iria ocorrer. Porém, muitos não levaram a ameaça a sério e por isso não avisaram a vítima, outros não conseguiram avisá-lo a tempo... Mas o que ninguém sabia explicar é se o motivo pelo qual os criminosos decidiram tirar a vida de Santiago Nasar eram verdadeiros ou falsos...
E, mesmo você lendo todas as páginas do livro, você fica se perguntando até o fim se essa morte foi em vão ou se realmente o motivo que culminou com o assassinato de Santiago é verdadeiro.

A narrativa possui cunho jornalístico e investigativo. É como se alguém fosse à cidade e começasse a seguir todos os passos da vítima até a hora de sua morte. Para isso ocorrer, os mais diversos moradores da cidade são entrevistados e cada um conta a sua versão dos fatos. Em vista disso, você não consegue desgrudar do livro! Pois você fica muito curiosa (o) para saber como e por que essa morte aconteceu.

Sem falar que, conforme você vai avançando na trama, mais você vai gostando de conhecer os moradores da cidade. Cada um com suas histórias e famílias peculiares... E com versões da história que, por vezes, complicam ainda mais a investigação realizada pelo narrador.

Como sempre, a forma de escrever do autor é sublime!
Eu fico encantada com o imenso vocabulário contido em suas obras e com a sua narrativa que, mesmo no caso do livro Crônica de uma morte anunciada, que é de forma objetiva e seca, consegue ser poética à sua maneira.

Enfim... Se você está em busca de um livro com um teor mais cult e/ou de algum autor ganhador do Nobel, Crônica de uma morte anunciada é uma boa pedida! É uma leitura rápida e instigante, que prende o leitor até a última página!

Apesar de estar um pouco longe, dentre os livros que considero os melhores do Márquez, super indico essa leitura! :D

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
"No dia em que o matariam Santiago Nasar levantou-se às 5h30m da manhã". Fatalidade, destino, o absurdo da existência humana. O que explica a tragédia que se abateu sobre o protagonista de Crônica de uma Morte Anunciada? Neste romance curto de construção perfeita, García Márquez monta um quebra-cabeça cujas peças vão se encaixando pouco a pouco, através da superposição das versões de testemunhas que estiveram próximas a Santiago Nasar no último dia de sua vida. Em que e em quem acreditar? Como descartar a parcialidade das versões e "o espelho quebrado da memória" dos envolvidos.


Confira mais detalhes sobre esta e outras obras do autor no site da Record!
Aproveite para conferir outros lançamentos e/ou reedições bacanas! :D


Até a próxima pessoal!
Boa leitura!! :)

8 comentários:

  1. Oi Angélica!
    Ainda não li esse livro do Garcia Marquez, mas morro de vontade de ler. Gosto muito da forma como ele escreve, é SENSACIONAL como ele consegue conduzir o leitor!
    Adorei a resenha, tava com saudade de vir ao seu blog. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luara!

      Eu também estava com saudades de você!! :)
      Concordo plenamente com você com relação ao autor!

      Beijoo!

      Excluir
  2. Angélica,


    Márquez é um autor que tem despertado cada vez mais minha curiosidade. Especialmente pelos dois livros que você citou no início. Já Crônica de uma morte anunciada, parece ser interessante.

    Abraços
    Juan - sempre-lendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juan!

      Pelo o que conheço do seu gosto, acredito que você irá gostar bastante dos livros do autor!
      Leia que vale a pena! :D

      Beijos!

      Excluir
  3. Oi!
    Adorei seu blog...fazia tempo que eu procurava um blog bacana com boas resenhas de livros..descobri ele por acaso e já estou seguindo (se puder, me segue!). Notei também que curte filmes europeus...por acaso já viu o filme sueco (e livro) Deixa Ela Entrar?
    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tsu!

      Oba, obrigadão! Passe sempre por aqui! \o/
      Eu adorei esse filme!! Muito bom, né? Também tem o livro... Você já o leu?

      Beijos!

      Excluir
  4. "Cem Anos de Solidão" é um dos meus livros favoritos, então nem preciso dizer que tudo referente ao García Márquez me interessa. Já li "Do amor e outros demônios" e "Memórias de minhas putas tristes" e estou louca para ler "O amor nos tempos do cólera".
    Ah... achei ótimo que finalmente tenham lançado essas edições com capas bonitonas. O Gabo merece ;)
    beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle!
      Eu também adorei as novas capas!!
      Curti bastante Do amor e outros demônios! Agora estou louca para ler O amor nos tempos do cólera. :D

      Beijos!!

      Excluir

Comente, participe dos bate-papos que rolam por aqui!!