31.12.16

Retrospectiva Literária 2016!

Finalmente chegou o dia da tão aguardada Retrospectiva Literária!! \o/

Para quem não sabe, a Retrospectiva Literária é uma “postagem” coletiva, promovida pelo blog, que já está em seu sétimo ano!! :D


A Retrospectiva Literária tem por objetivo propiciar que os leitores vorazes façam um balanço dos livros lidos durante o ano e que, através de suas respostas, planejem o ano seguinte. E não é só isso! Através da Retrospectiva Literária você tem a possibilidade de divulgar o seu blog, conhecer outros blogueiros fanáticos por livros e fazer troca de muitas dicas bacanas de leituras!!

Bom, agora chega de explicações e vamos às minhas respostas!!


RETROSPECTIVA LITERÁRIA 2016 

- A aventura que me tirou o fôlego: neste ano eu não li nenhum livro de aventura propriamente dito. Acredito que o mais próximo desse gênero foi “As Crônicas de Gelo e Fogo - Vol. 3 A Tormenta de Espadas”, do George R. R. Martin.

- O terror que me deixou sem dormir: não li nenhum terror.

- O suspense mais eletrizante: não li nenhum suspense muito empolgante que valha a pena ser citado.

- O romance que me fez suspirar: suspirar não é bem o termo, mas gente… que livro maravilhoso!! Tão bem escrito! Tão sensível! Tão tudo!! "Travessuras da Menina Má", do Mario Vargas Llosa.

- A fantasia que me encantou: o clássico “Contos dos Irmãos Grimm”, dos irmãos Grimm, claro. :-p

- A saga que me conquistou: na verdade, me conquistou há anos… "As Crônicas de Gelo e Fogo", de George R. R. Martin.

- O clássico que me marcou: "Jane Eyre", de Charlotte Brontë.

- A biografia que me inspirou: "Minha Vida na França", de Julia Child. Julia Child é muito amor!! (obs.: adicionei esse tópico agora gente)

- O nacional que adorei: não adorei, mas foi o único nacional que li neste ano “A Hora da Estrela”, da Clarice Lispector.

- O livro que me fez refletir: "O Leitor", de Bernhard Schlink. Gente, amei esse livro!!

- O livro que me fez rir: comecei ler "Menina de Vinte", da Sophie Kinsella. Mas, em vez de me fazer rir, achei a leitura enfadonha. Comecei e ainda não consegui concluir o livro… Durante o ano, não li mais nenhum livro do estilo...

- O livro que me fez chorar: "A menina que roubava livros", do Markus Zusak. Quem não chorou, atire a primeira pedra.

- O livro que me decepcionou: "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada", de J. K. Rowling, Jack Thorne, John Tiffany. Dinheiro jogado fora. :-( Que raiva desse livro!

- O livro que me surpreendeu: "O Leitor", de Bernhard Schlink.

- O livro que devorei: "O melhor lugar do mundo é aqui", de Francesc Miralles. Eu sempre devoro os livros do autor! Amooo!

- O livro que abandonei: "Post Mortem", da Patricia Cornwell. Tentei, tentei, mas não rolou.

- O livro que comecei, mas não terminei: neste ano foram vários!! O.o "Menina de Vinte", da Sophie Kinsella, "Grandes Esperanças", do Dickens, "Um Preço Muito Alto", de Carl Hart, "O Castelo nos Pirineus", do Jostein Gaarder. Mas pretendo retomar a leitura de todos.

- A capa que amei: "Quem Sabe Um Dia", da queridona Lauren Graham.

- A capa que detestei: O livro "Da Próxima Vez", do autor francês Marc Levy, merecia uma capa melhorzinha, né?


- O thriller psicológico que me arrepiou: não li nenhum livro desse estilo neste ano. :(

- A frase que não saiu da minha cabeça: --------

- O(a) personagem do ano: Ricardo, do livro "Travessuras da Menina Má", de Mario Vargas Llosa.

- O casal perfeito: Lucy e Mickey, do livro "Dançando sobre cacos de vidro", de Ka Hancock.

- O(a) autor(a) revelação: para mim foi o escritor alemão Bernhard Schlink, autor de "O Leitor". Quero ler todos os seus livros!! 

- O(a) autor(a) que mais esteve presente entre as minhas leituras: George R. R. Martin.

- O gênero literário que mais li: romance/drama.

- O gênero literário que preciso ler mais: terror e suspense.

- O melhor livro que li em 2016: neste ano, ficou impossível escolher um livro só. Os melhores livros que li em 2016 foram "O Leitor", "A Tormenta de Espadas" e "Travessuras da Menina Má".


Li em 2016 - do início ao fim - 22 livros. E li vários livros até a metade. Este ano tive uma ressaca literária pesada.

A minha meta literária para 2017 é: ler mais! Pois, foi assustador o quão pouco li em 2016. :-( Além disso, sigo com a mesma meta de sempre: diminuir a pilha de livros não lidos da minha estante.



*  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *  *

E você? O que leu de bom em 2016? Quais foram os melhores livros que você leu??

Aproveite para conferir as respostas dos participantes da Retrospectiva Literária 2016! Bora a aumentar a lista de desejados e conhecer outros viciados em livros!! :D

  1. Da Imaginação à Escrita
  2. SammySacional
  3. Prefácio
  4. Seguindo o Coelho Branco
  5. Attraverso le Pagine
  6. My Dear Library
  7. Sobre Leituras e Observações
  8. Fofocas Literárias
  9. Página da Leitura
  10. Coração de Tinta
  11. Leituras & Fofuras
  12. Mundo de Tinta
  13. Ana Kécia
  14. Sigo Lendo
  15. Um livro e nada mais
  16. Saleta de Leitura
  17. Na minha estante
  18. Para Sempre Leitora
  19. KraheLake
  20. Coruja em Teto de Zinco Quente
  21. Baseado em fatos literários
  22. Livros e Marshmallows
  23. Conjunto da Obra
  24. Escuta Essa
  25. Pensamento Tangencial

Obrigada a todos que participaram de mais uma Retrospectiva Literária!! \o/
Que 2017 seja um ano de leituras maravilhosas para todos!

22.12.16

Livros escolhidos para o Desafio Literário 2017

Oii pessoal!

Como estão os preparativos para o Desafio Literário 2017? Já escolheram os livros que serão lidos?


Eu dei uma geral em minha estante e encontrei vários títulos maravilhosos que estão há tempos esperando para serem lidos. Então não pensei duas vezes em colocá-los entre os tópicos do desafio.

Encontrei livros que ainda estão lacrados e na fila de leitura há mais de um ano. O.o

Mas chega de blá blá blá e vamos aos 24 escolhidos!!


- Livro com flores na capa: O Amante Japonês, da Isabel Allende #muitoamor
- Livro que tenha a cara do verão: A menina que conversava com o verão, de Sally Nicholls
- Livro com a capa azul: A Menina Submersa, de Caitlín R. Kiernan
- Livro com casal na capa: Em busca do paraíso, de Judith McNaught
- Livro que virou filme: Deixa ela entrar, de John Ajvide Lindqvist
- Livro de um ganhador do Nobel: Neve, de Orhan Pamuk


- Livro nacional: Gabriela, Cravo e Canela, de Jorge Amado
- Livro que você ganhou de presente: Confissões de uma Amante de Vinhos, de Jancis Robinson
- Livro divertido: Procura-se um namorado: última chamada, de Melissa Senate
- Livro de arrepiar os cabelos: A Coisa, de Stephen King
- Livro banido: O Evangelho Segundo Jesus Cristo, de José Saramago
- Livro com comida na capa: Amores & Amoras, de Jude Deveraux


- Livro que você acha a capa feia: Sobre Meninos e Lobos, de Dennis Lehane
- Livro de um autor(a) latino(a): O Amor nos Tempos do Cólera, do Gabriel García Márquez
- Livro de um autor(a) europeu(a): A melhor história está por vir, de María Dueñas
- Um suspense eletrizante: O Tribunal das Almas, de Donato Carrisi
- Livro com seres sobrenaturais/fantásticos: O Livro das Coisas Perdidas, de John Connolly
- Um clássico: Emma, de Jane Austen


- Livro que está na estante há mais de um ano: A Luz Através da Janela, de Lucinda Riley
- Livro de um (a) autor (a) que você adora: Primeiro e Único, da Emily Giffin
- Livro com uma capa abstrata: As Crônicas Marcianas, de Ray Bradbury
- Livro que faça parte de uma série/saga/trilogia: O Nome do Vento, de Patrick Rothfuss
- Um bestseller: O Poderoso Chefão, de Mario Puzo
- Livro com no mínimo 500 páginas: O Festim dos Corvos, de George R. R. Martin

E, então, essa é a minha lista. Agora quero ver eu ler tudo isso!! Hihi
O bom é que terei 12 meses para dar conta de tudo isso. Tomara que eu consiga vencer esse desafio!

Você também quer participar do Desafio? Então clique na imagem abaixo e divirta-se. ;)


9.12.16

Retrospectiva Literária 2016

Olá gente!

Finalmente chegou o mês que todo leitor compulsivo tanto aguarda: dezembro!
Pois, em dezembro fazemos a Retrospectiva Literária e organizamos as nossas leituras para o próximo ano. \o/


A Retrospectiva Literária é uma “postagem coletiva”, promovida pelo blog, que ocorre anualmente. Vários blogs se reúnem e criam um post no mesmo dia - 31/12 - fazendo uma retrospectiva de suas leituras realizadas durante o ano.

A Retrospectiva já está em seu sétimo ano - yesss! - e tem por finalidade propiciar que os leitores vorazes façam um balanço dos livros lidos durante o ano e que, através de suas respostas, planejem o ano seguinte. E não é só isso! Através da Retrospectiva Literária você tem a possibilidade de divulgar o seu blog, conhecer outros blogueiros fanáticos por livros e fazer troca de muitas dicas bacanas de leituras! :D

Gostou? Quer participar?

Então preencha o formulário abaixo até 30/12 e depois leia com atenção o que você deverá fazer no dia 31/12 - além de tomar champagne e andar por aí pulando ondas de roupa branca!


No dia 31/12, todos os inscritos deverão postar as respostas do questionário abaixo. Isto é, você vai copiar o questionário e respondê-lo no dia 31/12/16 em um post em seu blog, em seu canal do YouTube, em uma folha de caderno, na parede da sua casa… Resumindo, onde você quiser. O importante é responder o questionário!


Então, no dia 31/12/2016, você vai postar o seguinte:

* Se você for viajar, deixe a postagem programada.

RETROSPECTIVA LITERÁRIA 2016 
A aventura que me tirou o fôlego:
O terror que me deixou sem dormir:
O suspense mais eletrizante:
O romance que me fez suspirar:
A fantasia que me encantou:
A saga que me conquistou:
O clássico que me marcou:
O nacional que adorei:
O livro que me fez refletir:
O livro que me fez rir:
O livro que me fez chorar:
O livro que me decepcionou:
O livro que me surpreendeu:
O livro que devorei:
O livro que abandonei:
O livro que comecei, mas não terminei:
A capa que amei:
A capa que detestei:
O thriller psicológico que me arrepiou:
A frase que não saiu da minha cabeça:
O(a) personagem do ano:
O casal perfeito:
O(a) autor(a) revelação:
O(a) autor(a) que mais esteve presente entre as minhas leituras:
O gênero literário que mais li:
O gênero literário que preciso ler mais:
O melhor livro que li em 2016:
Li em 2016 ....... livros.
A minha meta literária para 2017 é:

Se você não quiser responder todas as perguntas ou se quiser adicionar mais algumas, não tem problema. O importante é usar a criatividade e participar!

Aí vai o selinho para quem quiser colocar no blog.
Não esqueça de colocar um link direcionando para este post para o pessoal poder se inscrever. ;)


** Ajudem a divulgar! Pois, quanto mais pessoas participarem, mais interessante será!
** Além disso, mais pessoas terão a oportunidade de conhecer o blog de vocês!

Quem tiver alguma dúvida, coloque nos comentários que eu respondo. :)

Até mais pessoal!!
Bora a ler bastante para participar da Retrospectiva! \o/ Corre, que ainda dá tempo!

6.12.16

Desafio Literário 2017: 24 livros da minha estante!

Neste ano, eu não consegui vencer nenhum desafio literário... Eu me organizei no início do ano mas, no decorrer dos meses, acabei me perdendo. O.o
Na verdade, eu quase nunca consigo vencer os desafios literários. Mas adorooo esse momento de organizar as minhas futuras leituras e de fazer um balanço dos livros que estão parados na estante ( e que são muitos!!).

Então, com o intuito de diminuir a quantidade de livros ainda não lidos, surgiu a ideia desse desafio.

* Como funcionará o Desafio?

O Desafio Literário 2017 consiste em você escolher 24 livros da sua estante e lê-los até o fim do ano.

Não vale selecionar o mesmo livro para mais de uma categoria, pois o objetivo é você ler 24 livros que estão em sua estante.

Se você quiser participar do Desafio Literário 2017, basta comentar neste post dizendo que quer participar.  No dia 01/01/2017, vou criar um post com a lista dos participantes do Desafio.

Não é obrigatório postar resenha, mostrar os livros que serão lidos e blá, blá, blá. Você fará isso somente se quiser, ok? E também não precisa seguir a ordem dos itens propostos. Você vai escolhendo durante o ano quais itens serão os escolhidos do momento. O desafio deve ser algo divertido e não massacrante...

No decorrer dos dias, vou postar a lista dos meus livros selecionados para o desafio. Espero que, ao menos este, eu consiga vencer. \o/ Hihi!


- Livro com flores na capa
- Livro que tenha a cara do verão
- Livro com a capa azul
- Livro com casal na capa
- Livro que virou filme
- Livro de um ganhador do Nobel
- Livro nacional
- Livro que você ganhou de presente
- Livro divertido
- Livro de arrepiar os cabelos
- Livro banido
- Livro com comida na capa
- Livro que você acha a capa feia
- Livro de um autor (a) latino (a)
- Livro de um autor (a) europeu (a)
- Um suspense eletrizante
- Livro com seres sobrenaturais/fantásticos
- Um clássico
- Livro que está na estante há mais de um ano
- Livro de um (a) autor (a) que você adora
- Livro com uma capa abstrata
- Livro que faça parte de uma série/saga/trilogia
- Um bestseller
- Livro com no mínimo 500 páginas


É isso aí pessoal!!
Bora a participar e a diminuir a pilha de livros não lidos!!! :D

5.12.16

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Nossa, faz tanto tempo que não passo por aqui, que até criou teia de aranha. Mas, agora, o blog com visual novo merece posts novos! \o/

Sem falar que terminei de ler um livro, que não posso deixar passar “batido”! Precisamos de uma resenha para ontem!!

O livro, como vocês já notaram pelo título do post, é o tão aguardado “oitavo” volume da saga Harry Potter: Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, de J. K. Rowling, John Tiffany e Jack Thorne.


Gente, oitavo volume uma pinóia, né? Pois, é algo tão ridículo – desculpe-me quem gostou, mas essa é a minha opinião, ok? – que não deveria nem ter sido lançado! Sério mesmo!! 

Fiquei muitooo decepcionada com esse livro! Até agora não acredito que paguei R$ 50,00 por esse abacaxi. O.o

A obra não tem nada a ver com as outras escritas pela J. K. Rowling. Você nota de longe que ela apenas assinou embaixo e que quem realmente escreveu o livro foram os roteiristas da peça de teatro.

Para quem não sabe, esse livro é um roteiro de uma peça de teatro encenada em Londres. Então, o livro não tem uma narrativa… São apenas diálogos.

Na minha opinião, isso fez com que o livro se tornasse medíocre! Sem emoção, sem sentimentos, sem sensações, sem descrições…

Os personagens são fracos, sem carisma e os nossos velhos conhecidos Harry, Hermione e Rony, são patéticos! O Harry se tornou um pai chato, que fica tendo “piti”. A Hermione que, era tão inteligente, agora é tão burra, mas tão burra, que objetos extremamente importantes para o Ministério da Magia, que deveriam ser muito bem guardados por ela, qualquer criança consegue entrar em sua sala e roubá-los sem nenhuma dificuldade. Já, o Rony, se tornou o boboca da turma. O personagem fica o tempo todo falando idiotices e bobagens sem pé nem cabeça.

A trama é deplorável! Totalmente sem sentido! Os personagens principais, que neste livro são Alvo (filho de Harry Potter) e Escórpio (filho de Draco Malfoy) ficam voltando ao passado – ao torneio Tribuxo, do quarto livro da saga Harry Potter – para tentar mudar o passado. Mas, toda vez que eles voltam ao passado, algo dá errado os colocando em grandes enrascadas. Então, lá vão eles novamente... #boring

Como os personagens ficam o tempo todo voltando ao torneio Tribuxo, é como se você estivesse relendo Harry Potter e o Cálice de Fogo. Os diálogos do quarto livro são repetidos e a história também.

Se você está esperando uma história nova, cheia de aventuras e inovações com os filhos dos antigos personagens, esqueça! Você só vai encontrar neste livro uma repetição do torneio Tribuxo e ações sem nexo dos personagens principais.

Simplesmente é tudo muito forçado! Aquele clima de mistério, aventura e magia que recheava os livros da J. K. Rowling é deixado completamente de lado. Detalhes de como funciona um vira-tempo ou como é feita a poção polissuco são ignorados, fazendo com que o leitor fique indignado.
Em resumo, é um livro puramente comercial. Não consigo entender como a autora topou essa parada.

No entanto, li no Skoob que muita gente gostou. Sim, gosto é gosto... fazer o quê?!
Então você pode fazer parte desse grupo do “amei” e não do “odiei” assim como eu. Para saber se irá gostar ou não, só lendo…

Contudo, eu realmente não indico.

Avaliação:



Dei duas estrelas na avaliação, e não uma, só pelo personagem Escórpio, filho do Draco Malfoy. O único personagem digo de admiração. Agora, o resto… é melhor eu nem falar. 

Skoob:

Sinopse:
Sempre foi difícil ser Harry Potter e não é mais fácil agora que ele é um sobrecarregado funcionário do Ministério da Magia, marido e pai de três crianças em idade escolar. Enquanto Harry lida com um passado que se recusa a ficar para trás, seu filho mais novo, Alvo, deve lutar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. À medida que passado e presente se fundem de forma ameaçadora, ambos, pai e filho, aprendem uma incômoda verdade: às vezes as trevas vêm de lugares inesperados. 
Ansiosamente aguardado por milhões de fãs, o oitavo livro da saga de maior sucesso de todos os tempos chega às livrarias de todo o Brasil no dia 31 de outubro, em edições brochura e capa dura. Harry Potter e a criança amaldiçoada é a edição impressa do roteiro de ensaio da peça escrita por J.K. Rowling em parceria com Jack Thorne e John Tiffany, que está em cartaz em Londres e se passa 19 anos após os acontecimentos narrados em Harry Potter e as Relíquias da Morte.

E você? O que achou do livro?

Que venham as pedras!! :p

Últimos Instagrams

© Pensamento Tangencial. Design by FCD.